Primeiro dia do Avoando reúne observadores de aves em SFX

junho 22, 2024 Off Por

Lucas Brito


Secretaria de Urbanismo e Sustentabilidade

O fim de semana será animado para os entusiastas da avifauna silvestre com a 4ª edição do Avoando SFX – Festival de Observação e Conservação de Aves promovido pela Prefeitura de São José dos Campos. As atividades começaram nesta sexta-feira (21) no distrito de São Francisco Xavier, na região norte da cidade. 

A abertura oficial do evento aconteceu na praça Cônego Manzi, com a presença de autoridades e convidados. De forma criativa, Rodrigo Geribello trouxe a “Apresentação de som de aves”, onde imita o canto de pássaros acompanhado por uma sanfona. Na sequência, três especialistas enriqueceram o conhecimento do público com diferentes assuntos.

As atrações do festival são todas gratuitas e também acontecem no Parque Vicentina Aranha, na região central. Confira a programação completa abaixo ou clicando aqui.

Além das saídas para observação de aves, a agenda conta com oficinas e palestras com temas inéditos, como observação de ninhos, colisões de aves em janelas, segredos de aves noturnas e a migração de uma ave paulistana.

Os interessados em participar das saídas para observação de aves e oficina de identificação devem se inscrever por meio do formulário online. As vagas são limitadas.

Festival Avoando SFX

O festival é realizado pela Prefeitura de São José dos Campos em parceria com a Save Brasil, principal entidade brasileira na área de conservação de aves e executora do Projeto Jacutinga, que reintroduz jacutingas em São Francisco Xavier. 

Com mais de 1.900 espécies registradas, o Brasil é o segundo país em diversidade de aves. Deste total, cerca de 450 vivem em São José, sendo mais de 380 já registradas em São Francisco Xavier.

O objetivo do festival é estimular o turismo de observação de aves e a conscientização ambiental no distrito, área de grande biodiversidade e importância ambiental. Promovido pela primeira vez em 2019, o evento não teve sequência nos dois anos posteriores devido às restrições impostas durante a pandemia de covid, e foi retomado em 2022. 

As ações do Festival têm promovido ainda mais o artesanato local, contribuindo para a geração de renda e emprego pela biodiversidade, assim como o turismo no distrito e região.

O festival tem apoio do Comtur (Conselho Municipal de Turismo), Comam (Conselho Municipal de Meio Ambiente), Fundação Cultural Cassiano Ricardo, Fundação Florestal e APA SFX, Associação Regenera Yama e Parque Vicentina Aranha.

Programação

Dia 22 de junho – Sábado – em São Francisco Xavier

  • 7h: Observação de aves, com Gabriela França e Marco Silva/SAVE Brasil – Local: Parque dos Pássaros
  • 13h: Oficina de identificação e observação de aves, com Marco Silva/SAVE Brasil – Local: CRA São Francisco Xavier
  • 17h10:  Palestra “Projeto Observatórios de Aves como ponte entre ciência, conservação e sociedade”, com Luiza Figueira/OAMa 
  • Local: Praça Cônego Manzi
  • 18h: Palestra “Os segredos das aves noturnas”, com Thiago Vernaschi/IRN-UNIFEI
  • Local: Praça Cônego Manzi
  • 19h10: Palestra “A incrível jornada de uma ave paulistana que migra para a Amazônia”, com Karlla Barbosa/UNESP
  • Local: Praça Cônego Manzi
  • 20h: Palestra “Um naturalista no Antropoceno”, com Mauro Galetti/UNESP 
  • Local: Praça Cônego Manzi
  • 20h50: Observação de Aves Noturnas, com Gabriela França e Marco Silva/SAVE Brasil – Local: Estrada da Fazendinha

Dia 22 de junho – Sábado – em São José dos Campos

  • 8h – Observação de aves, com Vagner Camelotti/Observatório de Pássaros do Parque Vicentina Aranha 
  • Local: Parque Vicentina Aranha
  • 10h: Palestra “Observação de ninhos na Passarinhada: Conduta e Responsabilidades”, com Daniel Fernandes Perrella/Celeus Serviços Ambientais – Local: Parque Vicentina Aranha
  • 10h50: Palestra “Uma ameaça invisível: medidas para evitar colisões de aves em janelas”, com Bianca Costa Ribeiro/LOAM  Local: Parque Vicentina Aranha

Dia 23 de junho – Domingo – em São Francisco Xavier

  • 7hObservação de aves, com Gabriela França e Marco Silva/SAVE Brasil 
  • Local: RPPN Alto do Deco


MAIS NOTÍCIAS

Secretaria de Urbanismo e Sustentabilidade